As minhas corridas na estrada

segunda-feira, 30 de março de 2015

Suunto Ambit3 Sport - O ensaio definitivo

Aqui há umas semanas recebi um mail da Suunto, de Espanha, a dizer que o meu blog tinha sido escolhido para testar o Ambit 3 Sport, o relógio novo da marca. Depois da natural reacção histérica, de ter ligado para todos os meus familiares e ter feito uma espécie de dança tribal, lá acalmei um pouco e deixei a meio a carta de despedimento que já estava a escrever, convencido que poderia viver à custa da corrida. A proposta era testar o relógio durante 15 dias, depois escrever um post sobre isso e finalmente devolver o equipamento por correio. Ok, se calhar ainda não é desta que vou deixar as obras...

Depois de ultrapassado este êxtase inicial deparei-me com outro problema: será que os milhões de leitores do Quarenta e Dois não se vão sentir defraudados por eu estar a entregar a minha criatividade ao Grande Capital e dessa forma contribuir para a sociedade materialista em que vivemos?? A resposta é: LOL! Provavelmente a meia dúzia de pessoas que por aqui passam nem se vão aperceber deste post...

Resolvidas estas questões existenciais, aceitei o desafio da Suunto. Decidi que ia fazer um teste ao Ambit3 Sport. Mas não seria um teste qualquer. Não, eu não faço as coisas por menos. Senhoras e Senhores, bem vindos ao:

SUUNTO AMBIT 3 SPORT

O DERRADEIRO, DEFINITIVO E ESSENCIAL ENSAIO!!!

Eu sou um dos pré-históricos que chegou a correr com um daqueles relógios que, pasmem-se, só registavam o tempo! É verdade, acreditem ou não, há muito muito tempo atrás (pra cima de 6 ou 7 anos!!!!) não haviam aplicações para o telemóvel, tão pouco relógios com GPS. No entanto, não sou de forma alguma saudosista. Abracei a tecnologia e tenho assistido à evolução brutal dos aparelhos nos últimos anos e a forma como isso está efectivamente a influenciar a corrida amadora. Se não, vejamos, quando partilhado no Facebook o que tem mais impacto: "Fui dar uma volta a correr ao Bilhar Grande e demorei pra cima de uma hora!" ou "Fui dar uma volta de 12.3km ao Bilhar Grande, demorei 1h10m, a minha FC média foi de 110bpm e venci um acumulado de 110D+ #running #nopainnogain #roadtomarathon"? De facto, a tecnologia arranja sempre maneira de responder às nossas necessidades básicas. 

O primeiro relógio que tive que registava a distancia foi um Polar que tinha um pedómetro, isto em 2010. Depois comprei um Garmin 310xt e finalmente um Garmin 910xt. Este meu ensaio vai ser muito na base da comparação com estes dois modelos, já que nunca experimentei outros. 

Para começar, parece que todos os ensaios de material para a corrida começam por um procedimento cujo propósito sempre interroguei. Mas como este é o DEFINITIVO ensaio tenho obrigatoriamente que incluir a:

GLORIOSA RETIRADA DO RELÓGIO DE DENTRO DA CAIXA!!!!*

*unboxing
Caixa Fechada

Caixa Aberta
Pois é, acreditem ou não, dentro da caixa estavam não só o relógio como o cabo USB para ligar ao computador, a fita para os batimentos cardíacos e nada mais nada menos que os manuais e a garantia!! ...vou-vos dar 1 minuto para recuperarem do choque.

(...)

O modelo que me enviaram é o Suunto Ambit3 Sport Blue, a evolução do Ambit2 lançado no verão passado. Quanto ao aspecto exterior, relativamente ao Ambit2, pouco ou nada é alterado com excepção de pequeníssimos pormenores e a novidade da introdução da cor "Azul Cueca". Em comparação com o meu Garmin 910xt as diferenças de dimensões são muito poucas, como podem ver pela fotografia:

Sim, é um rolo da massa.
A principal diferença está, no entanto, no elevadíssimo nível de cagança que é possível atingir com o Ambit3, nomeadamente nesta cor Azul. De facto, efectuei numerosos estudos e todos convergem na mesma conclusão: a selfie de relógio com um Ambit3 Blue é propensa a receber 26% mais likes do que com o Garmin. 

Like!
Realizei ainda um ensaio que comprovou as capacidades do Suunto actuar como um Chic Magnet de alta qualidade (err..emprestei a um amigo meu solteiro, claro...) o que reforça que o Ambit3 poderá fazer maravilhas pela vossa vida social. Além disso, é possível andar na vida real com ele no pulso sem que vos perguntem onde está o Kit.

Ultrapassadas as questões fúteis, era altura de meter a mão na massa (e não estou a falar do rolo). O Ambit3, assim como os 310xt e 910xt são relógios multidesporto, o que quer dizer que dão para registar percursos a pé, de bicicleta ou a nadar. Visto que o triciclo da minha filha é demasiado pequeno para mim e que durante as duas semanas que tive para testar ter estado mau tempo, o que impossibilitou a minha ida à barragem nadar, o meu teste vai limitar-se à corrida. Vamos então dar inicio ao novo segmento deste derradeiro ensaio:

DEIXA-TE DE MARIQUICES E VAI CORRER, OH PALHAÇO!!

O relógio tem 5 botões e os menus são bastante intuitivos. Para quem já está habituado a modelos da Suunto não muda nada, para os outros, como eu, que estão habituados por exemplo à Garmin, a adaptação é bastante rápida. Relativamente à Garmin, há uma diferença  que achei substancial. Ao contrário do meu 910, este está sempre ligado na função relógio, e só activa o GPS quando iniciamos um exercício. Se quiser ver apenas as horas, com o Garmin tenho que desactivar manualmente o GPS e programar um visor para mostrar apenas o relógio. Penso que a Suunto assumidamente quer que o Ambit seja um relógio não só de corrida mas para o dia-a-dia, ao contrário da Garmin, pelo menos os 310 e 910xt. 

Depois de entrar no menu do relógio podemos escolher logo entre vários tipo de exercícios: corrida, natação, triatlo, ciclismo, seguir um track, etc. Estes campos são totalmente personalizáveis como veremos mais à frente. Esta "triagem" inicial é bastante mais fácil do que com os meus Garmin.

Escolhida a corrida como exercício ele procura a banda cardíaca (bluetooth) e o sinal de GPS. De todas as vezes que o utilizei foi sempre bastante rápido a encontrar ambas. Destaque para o sinal GPS, que nunca demorou mais que 10 ou 15 segundos. 

1, 2, 3, 4 - BAM!
O visor da corrida tem no máximo 3 campos, todos eles completamente personalizáveis. Por exemplo, neste caso tenho a distancia no meio (mais visível), tempo em cima e em baixo posso variar entre três opções: acumulado positivo, frequência cardíaca e ritmo instantâneo. Este é apenas UM visor que defini, posso definir 8 e ir percorrendo durante o treino. Muito fácil de personalizar, principalmente através do computador e do telemóvel, como veremos mais à frente.

Quanto à pratica, apesar da muita informação disponível no imediato, acho que os campos inferior e superior são um pouco pequenos e de difícil visibilidade, pelo menos relativamente ao 910, cujos 4 campos são todos do tamanho do leitor do meio do Suunto. 

No fim da corrida o exercício é parado e guardado quando se faz reset ao visor, fácil. Vamos lá então ver se saiu daqui alguma coisa de jeito.

METE LÁ ISSO NO COMPUTADOR!!

A transferência de dados é feita através de um cabo USB ligado ao computador. Outra grande diferença em relação aos Garmin, cuja conectividade é feita através de uma pen wireless. Isto pode parecer um ponto negativo da Suunto mas para mim é precisamente o contrário. Gosto de hardware. Sou do tempo de soprar pra dentro de um cartucho da Nintendo e depois dar uma traulitada na consola se o jogo não entra logo. O wireless realmente é prático, mas só se funcionar a 100%, se não não podemos "dar um jeitinho ao cabo" ou limpar os pontos de contacto. E, meu amigos, o wireless da Garmin muito raramente funciona a 100% e depois lá tenho que andar a chafurdar nos fóruns de ajuda. Com o Suunto correu sempre bem, pelo menos enquanto o tive. Sacamos um programa que faz a conectividade (moveslink) que transfere os dados para uma aplicação da Suunto, o Movescount, equivalente ao Connect da Garmin, onde estão armazenadas para análise todas as nossas actividades.


Para mim, o aspecto do site não é o mais agradável, mas suponho que é uma questão de hábito. No entanto, a informação está toda lá.

visão resumida
Uma data de dados que eu nem vi bem o que são
 O meu treino nos Alpes.
Mentira, é na Serra das Fazendas.
Existem 11 opções para visualizar no gráfico, além das normais de altitude, ritmo e frequência cardíaca. Como por exemplo EPOC, VO2 e R-R. Isto deve ser espectacular, infelizmente não faço ideia do que seja! Imagino que seja informação essencial para alguém, a mim o que interessa é que tudo o que eu preciso de saber está lá e é de fácil acesso, por isso não posso dar menos que nota 10/10.

Quanto à analise dos dados, aqui sobressai O problema do Ambit3 Sport, pelo menos para mim. O Ambit3 é dividido em dois modelos, o Sport e o Peak. A principal diferença entre ambos é que o Peak tem um barómetro que regista a altitude e o Sport não. Esta foi basicamente a razão que me levou a fazer o upgrade do Garmin 310 (sem barómetro) para o 910 (com barómetro). Provavelmente vão achar que é uma mariquice mas por exemplo neste percurso levei o meu 910xt que registou 900D+ e o Ambit3 registou 511, quase metade. Isto acontece principalmente quando as subidas são curtas e não se nota quase nada em subidas muito longas. Claro que o problema fica resolvido se adquirirem antes o Peak. Ah, e pagarem mais uns euritos...

UM RELÓGIO FEITO SÓ PARA MIM

Como disse lá atrás, todos os campos do Ambit3 são altamente personalizáveis, não só no relógio mas também no computador, através do movescount. Mais uma vez, o processo é super simples e intuitivo. 


Aqui posso escolher definir os ecrans que vejo no modo "corrida". Como vêem posso definir até 8 ecrans, e em cada um deles escolher o que quero ver em cada linha.


Além do modo "corrida" podem escolher ciclismo, natação, indoor, triatlo, etc. ou até criar o nosso próprio modo, como por exemplo "trail", e nesse colocar apenas ecrans com informação relevante para o trail.

Através do Movescount podemos ainda alterar as definições básicas do relógio, como por exemplo o tempo de retro-iluminação, a qualidade do registo de dados GPS (com influencia na duração da bateria), as unidades, etc.

PARTE GEEK DO ENSAIO

Uma diferença importante entre o Ambit2 e 3 é a possibilidade do relógio ser emparelhado com um telemóvel através de Bluetooth. O Movescount existe também em versão móvel e tem todas as opções da versão PC, como a analise dos exercícios, personalização do relógio, criação de percursos ou criação de treinos personalizados (por exemplo, programar um treino intervalado). Podemos ainda fazer o upload do exercicio directamente para o movescount através do telemóvel por Bluetooth e partilhar imediatamente no Facebook, porque a cagança não pode esperar.

Visão no telefone
O nível de geekice aqui ultrapassa-me muito, já que nunca me interessei muito por isto. Mas, por exemplo, quando o emparelhei com o telemóvel comecei a receber notificações do Facebook no relógio!! Calculo que haja uma infinidade de opções que me estão a escapar através deste emparelhamento, mas sinceramente não são coisas que uso correntemente, por isso, mesmo que o relógio fosse meu dificilmente as exploraria. 

FINALMENTE, A CONCLUSÃO!

Todos os ensaios têm que ter uma secção de prós e contras, para o pessoal que não tem paciência de ler o resto poder saltar. 

Pontos positivos:
  • Aspecto - Normalmente ligo zero ao aspecto do equipamento que uso, interessa-me muitíssimo mais a funcionalidade. Mas não podemos descurar o cuidado que a Suunto teve com o aspecto deste relógio. 
  • Menus no relógio - Bastante intuitivos e fáceis. No outro dia deixei o relógio esquecido aqui por casa e quando fui a ver a minha filha de ano e meio já andava a programar um treino intervalado para fazer no corredor.
  • Transmissão de dados - Viva o cabo USB, abaixo o wireless!
  • Movescount - Como disse lá atrás, não gosto muito do aspecto, mas é bastante funcional e por outro lado TUDO é melhor que o Garmin Connect. Além disso, gosto muito da opção de personalizar os campos do relógio através do computador.
  • Bateria - as anunciadas 20 horas são muito importantes para quem anda nestas coisas de ultras. Uma ressalva, estou a confiar nos valores fornecidos pelo fabricante, nunca testei até ao fim.

Pontos negativos (ou menos positivos, vá):
  • Barómetro - Claro, eu sei que o Ambit3 Peak tem essa opção, mas custa os olhos da cara. Como disse lá atrás, troquei de relógio precisamente para ter o barómetro.
  • Bateria (não, não me enganei) - as anunciadas 20 horas apenas são possíveis se baixarmos a qualidade de registo dos dados GPS, um contra relativamente ao meu 910xt que é sempre igual.

O Suunto Ambit3 Sport é um excelente relógio que cumpre exactamente o que promete. Não é uma evolução milagrosa do Ambit2, pelo que li as principais diferenças são a possibilidade de sincronizar com um telemóvel e a captação de batimentos cardíacos dentro de água. Penso que a estratégia de marketing da marca não foi a melhor neste aspecto. Mas se estão a pensar comprar um relógio novo, esta é uma óptima opção. 

Ok, talvez não tenha sido O DERRADEIRO, DEFINITIVO E ESSENCIAL ENSAIO por que estavam à espera. Há outras pessoas muito mais competentes para o fazer do que eu, como poderão constatar numa pesquisa rápida no Google. Procurei mostrar-vos como é a utilização quotidiana do relógio e dar a minha opinião sobre as funções básicas que utilizo enquanto treino. Espero que na meia dúzia que vai ler isto haja alguém a quem tenha ajudado a decidir. Por outro lado, provavelmente hipotequei todas e quaisquer hipóteses de voltar a testar equipamento para alguma marca! Definitivamente, ainda não é desta que deixo as obras, mas..

MUCHAS GRACIAS SUUNTO!

40 comentários:

  1. Está bem, abelha, mas existe em rosa ou não? Isso é que é importante saber! :)

    Essa do Suunto receber mais 26% de 'likes'... Isso é mesmo científico? Mostra-me as estatísticas!

    Beijinhos

    P.S. - Nunca percebi muito bem qual é o interesse do 'unboxing' numa 'review' destas cenas... (Ó p'ra mim a escrever à moda!!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei muito da forma simples como explicou as coisas sem grandes rasgos de exper mas muito perceptível pelo comum dos mortais. Obrigada!

      Eliminar
    2. Gostei muito da forma simples como explicou as coisas sem grandes rasgos de exper mas muito perceptível pelo comum dos mortais. Obrigada!

      Eliminar
  2. Olha, eu gostei deste teu review...mas não te ponhas aí já aos saltos de contente, pq se não sabes ficas a saber, que eu e gadgets não nos damos lá muito bem....eu gostei essencialmente das graçolas e de saber que eu com o meu "velhinho" Ambit 2 estou muito bem servido, com barómetro e com 50h de autonomia (anunciadas :D) ....e o meu é preto (sim Anabela, é uma cor nada fashion, nem de tendência) e uso todos os dias, seja com fato e gravata, seja em sunga na praia (mentira....eu não vou à praia :D)....por mim tás aprovado como cobaia para a Suunto...deve ser dos poucos reviews em que eu entendi alguma coisa :):):)
    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Faltou referir para os viciados em gadgets a possibilidade de criares apps e adicionar ao relógio :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então aquele grande aglomerado de gente quando eu passei, outro dia em Almeirim, era por causa e a tua dança tribal!!!
      Estava o INEM, os bombeiros a protecção eu sei lá!

      Quanto ao SUNNTO é assunto que já não me interessa muito pois não tenho pernas e € para tanta tecnologia!
      Quando corria alguma coisa não havia dessas maquinetas e agora que há já não me fazem falta. O meu velinho garmim 205 dá conta do recado!
      Abraço.

      Eliminar
    2. As apps são para ser usadas no relógio.
      Crias a app que queres no computador no movescount, por exemplo queres criar um treino de séries personalizado, fazes a app (desde que percebas um pouco de programação) e inseres no relógio para usar.
      Existem imensas apps no site e algumas engraçadas, do tipo quantas cervejas já derreteste com o treino que fizeste lol (http://www.movescount.com/apps/app77-Beers_burned_off)

      Eliminar
  4. Se em vez de azul tivesses testado um suunto vermelho, estava já convencido :)

    ResponderEliminar
  5. Totalmente de acordo, adquiri um AP3 há 3 meses e... É BRUTAL!
    Bons Treinos :-)

    ResponderEliminar
  6. Epa excelente review! A sério, ler um artigo destes assim com esta descontracção toda é muito melhor. Adorei os pormenores todos "caixa fechada" "caixa aberta" eheheh

    Epa isto é uma ganda máquina, mas para além de ser caro é muito grande mesmo.. bem vou-me ficar com o meu garmin 610...

    Um abraço!

    ResponderEliminar
  7. Boa tarde Filipe, já me pusestes às gargalhadas no local de trabalho! A esta hora os meus colegas têm um pouco mais de certeza que aquele gajo que corre anda meio louco, ehehehehe

    Bem, "Se não, vejamos, quando partilhado no Facebook o que tem mais impacto: "Fui dar uma volta a correr ao Bilhar Grande e demorei pra cima de uma hora!" ou "Fui dar uma volta de 12.3km ao Bilhar Grande, demorei 1h10m, a minha FC média foi de 110bpm e venci um acumulado de 110D+ #running #nopainnogain #roadtomarathon"?" acho que tens razão, a cagança não têm limites, ehehehe

    E deixa-me dizer que a tua filha de um ano e meio a programar o suunto para ir fazer séries no corredor! Quem sai aos seus não degenera! Grande miúda!

    Um abraço e boa sorte para o MIUT

    ResponderEliminar
  8. Depois de alguns meses com o meu suunto, confesso que ainda não o explorei como gostava. Até ao momento o único contra é mesmo o registo da altimetria. Apesar de não ter um nível de exigência elevado (o meu modelo tb não tem barómetro), esperava um pouco mais.

    ResponderEliminar
  9. Excelente e imparcial analise :) um bom relogio mas... ainda não o verdadeiro relogio :)

    ResponderEliminar
  10. Gostei especialmente do unboxing, carrega #34

    ResponderEliminar
  11. Só o que estraga é a cor, se fosse vermelho, cor do Glorioso!! :D Carrega Benfica, rumo ao 34º!!

    ResponderEliminar
  12. Excelente análise!
    Ponto menos favorável nesse relógio era mesmo a cor!! Preto ou vermelho e estava 5*!!

    Carrega Benfica, rumo ao 34!

    ResponderEliminar
  13. Excelente crítica, parece ser uma máquina muito interessante, nada como a ter no pulso para tirar todas as dúvidas! E sim, também o quero em vermelho, Carrega Benfica, rumo ao 34!

    ResponderEliminar
  14. Olha por mim pode ser mesmo em azul cueca que tenho uns calções nesse tom e faz pandan!
    Carrega Benfica, rumo ao 34

    ResponderEliminar
  15. Miguel Piresmaio 12, 2015

    Este é mesmo o aS(u)unto sobre o qual gostaria de me debruçar. Só falam bem dele!
    Carrega Benfica, rumo ao 34

    ResponderEliminar
  16. ... em verde ;). Tenho o 310xt, percebo o que dizes e fiquei curioso. Já a minha filha preferia usar o relógio como cinto na Barbie.

    ResponderEliminar
  17. Bom dia, o meu nome é Rui e sou um Suunto'olico. :) Tendo em conta que pelos vistos hoje é dia de "comentar o post do Filipe" deixo aqui a minha experiência como utilizador do Ambit2. É perfeito! (quando o movescount funciona...) Pelo que li nesta análise super completa, com a possibilidade de upload através do telemóvel, o Ambit3 ficou ainda mais prático!

    ResponderEliminar
  18. Grande review sim Sr. Gostav muito de ter um ;)

    ResponderEliminar
  19. Só aqui vim para te dizer que o Sporting é o melhor e que tu és o mais bonito. :)

    Quanto ao relógio, já tinha lido mas não tinha comentado, mas a minha opinião mantém-se: para nós, corredores de pelotão, que não levamos as potencialidades ao máximo, acaba por ser muito caro. E quando temos outros modelos - menos conhecidos - a fazerem (quase) o mesmo por menos de metade do preço, levamos o mais barato.

    ResponderEliminar
  20. Tenho uma versão baratinha como relógio gps e realmente ou justifica porque tem barômetro ou então não me parece valer a pena. Grande review

    ResponderEliminar
  21. Só tenho pena que isto não seja um concurso de links :P

    ResponderEliminar
  22. Pois, infelizmente é caro. Eu precisava de um que me fizesse o mesmo que o meu Garmin Forerunner 305, pelo price target do que paguei à 5 anos, 150 euros. Não percebo como é que passa tanto tempo e os preços não descem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactamente isso!!! Eu tenho um 205 e sinto isso. A suunto anuncia funcionalidades que o meu velhinho já tinha há muito tempo...para não falar no capítulo de navegação, onde os garmin dão 20-0 à suunto! E isto dito por alguém que usa os 2. Estive na apresentação da colecção e não havia praticamente nada que o meu velhote não fizesse! Pena é o tamanho do animal...

      Eliminar
  23. Sou gaja e como tal.... QUE COR MAIS FOFA!!!!!!!!!!!!!!! :)
    Pronto já passou!!!

    Fizeste mesmo a dança!?!?!? uahahahahah eu cá fazia duas ou três :)

    Ao longo da crónica os meus "uouh" foram um pouco constantes, parecia algo do outro mundo. Gostei bastante, especialmente uma coisa imprescindível que é receber notificações do facebook no relógio!!! Imperativo claro!! E de extrema absoluta necessidade!!! :D
    Fiquei tentada, pena que a carteira não esteja de acordo comigo ehehheh

    Olha e que tal ficares assim como por esquecimento com o bicho!? Achas que eles vinham punham a interpol atrás de ti!? :) ehheheheheh

    Beijocas

    ResponderEliminar
  24. Pode ser em preto, sff.

    Obrigado, demora o quê, 2 dias a chegar?

    parece mentira mas não tinha comentado tão informativo post :)

    E sim, o verde é lindo mas parece que o futuro é vermelho...pelo menos o futuro próximo.

    Abraço

    PS: não tem nada a ver mas, bons 100K em São Mamede

    ResponderEliminar
  25. Jose Garciamaio 15, 2015

    O meu pode ser branco e vermelho, que é a cor que está de moda ;)

    ResponderEliminar
  26. Boas! Como é que raio se "mete" treino de séries num Ambit 3 Run? Obrigado!

    ResponderEliminar
  27. Boas! Como é que raio se "mete" treino de séries num Ambit 3 Run? Obrigado!

    ResponderEliminar
  28. Isto de se andar de Suunto no pulso para a cagança para depois colocar no facebook os moves é muito giro e dá estilo, mas tenho o mesmo problema :( Series com distancias e ritmos diferentes, tudo num único treino.

    ResponderEliminar
  29. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  30. Olá e parabéns pelo blog.

    Eu sou pobre e estou a ponderar comprar um relógio GPS para substituir o meu Endomondo.
    Garmin Fenix 2 e Suunto Ambit3 Run. Por qual devo optar?
    Vou comprar em 2ª mão a um preço muito idêntico.

    ResponderEliminar
  31. Comprei o ambit3 e estou achando muuuito legal, antes usava um garmin forerunner 210, gostaria de saber se tem como migrar as corridas feitas no garmin para o movescout ??

    ResponderEliminar
  32. tenho um ambit3 e eu troquei a bateria dele como já havia trocado , só que não sei por qual motivo ele funcionou um dia e na hora que eu estava terminando meu treino ele parou de funcionar e não acha mais o sinal do batimento cardíaco. Alguem poderia me ajudar ??

    ResponderEliminar
  33. Olá. Dei ''de trombas'' com esta review por acaso. Estou a pensar comprar um ambit3 dessa mesma cor(em 2ª mão, que sou um teso do caraças). Entre reviews e mais reviews,ainda não tinha encontrado nenhuma de jeito. Enfim luz! Também só troco porque o meu tomtom foi para o galheiro..isso e agora fazer ultra trails só porque não tenho mais nada para fazer....Com o velhinho tomtom, ou tinha que ''ir a abrir'', ou ao fim de 8 horas dizia adeus à tecnologia. Este Suunto interessa-me por 3 motivos: regista o acumulado, tem bateria para 15 horas(a julgar pelo fabricante) e bluetooth para o telemovel. Os batimentos também interessam, mas como tenho um ritmo cardíaco em repouso de 39bpm, não me faz muita falta. Dizes que o registo de altitude relativamente ao garmin, teve uma diferença de quase metade...no final o acumulado também foi muito diferente? Tenho provas de 2750d+, e dava-me jeito saber mais ou menos o que tenho que penar para subir antes de as terminar. Parabéns pela review.
    Abraço
    João Lemos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá João! Já nem me lembrava que tinha escrito isto eheh bem, sinceramente, eu não compraria este relógio. A razão é simples, e nos dois anos que passaram tornou-se clara. Um registo fiável do desnível e principalmente da altitude são essenciais na maneira como giro as provas, e este relógio, que não tem barómetro, simplesmente não te consegue garantir isso. Pelo que percebo também é um actor importante para ti, por isso o que aconselho é optares por um com barómetro. Tens o ambit 3 peak (o que eu testei é o sport), o suunto spartan ou o que eu uso agora, o garmin fenix 3. Há outros, estes provavelmente são os mais usados. Quanto ao resto, nada a dizer da suunto. Eu tenho é sempre tive garmin, estou muito habituado ao interface deles, mas sei que se mudasse para a suunto era um questão de tempo até fazer aquilo de olhos fechados.

      Eliminar